publicado por adm | Quinta-feira, 26 Abril , 2012, 23:24

OKI apresentou hoje, em Barcelona, 25 novos modelos de impressoras com os quais renova ou atualiza mais de metade do seu portefólio. As ofertas são dirigidas a diferentes segmentos empresariais, mas a principal aposta vai para as PMEs e para as microempresas, onde a fabricante identifica grandes oportunidades, numa altura em que o objetivo para a Europa é duplicar o atual volume de negócio. 

De acordo com o presidente da OKI Data Corporation, 50% do volume de negócio da companhia já provém da EMEA, mas o objetivo é "duplicar as vendas", afirmou Takao Hiramoto, durante a abertura da conferência europeia dedicada ao lançamento dos novos produtos. 

 

O responsável explicou que parte do trabalho passa por um maior investimento em marketing, que potencie o conhecimento da empresa (cuja distribuição de produtos se faz na íntegra por parceiros), à qual aponta pontos fortes como o recurso à tecnologia LED - mais durável, económica e ecológica que o laser-, ou a rede de distribuição global. 

A estratégia para crescer integra a oferta de produtos com qualidade profissional adaptados às necessidades dos diferentes segmentos de mercado, com especial enfoque naquelas que são as pequenas, médias e microempresas - um segmento onde é esperado crescimento. 

As propostas da OKI para captar clientes entre as empresas mais pequenas começam nos 109 euros e passam por máquinas que continuam a apostar na tecnologia LED, mas podem reduzir a velocidade de impressão (por exemplo, para 40 páginas por minuto em vez de 99, nos casos de equipamentos de entrada de gama), o tamanho dos consumíveis e as dimensões do próprio modelo, incorporando diversas funcionalidades para assegurar a poupança energética e sem esquecer preocupações como a segurança ou a impressão em rede. 

Segundo os números da IDC, 99% das empresas na Europa são PME e os inquéritos levados a cabo pela consultora em mercados de referência revelam que, apesar da crise económica, 66% continuam a investir em equipamentos de impressão. 

As empresas continuam a precisar de imprimir, defendeu o diretor da consultora para a área de impressão. O aumento da quantidade de trabalho, necessidade de melhorar a eficiência e preocupações com segurança, faz com que procurem melhores soluções ao nível dos equipamentos e serviços, defendeu Arnaud Gagneux. 

Outra das tendências passa pela preterição de equipamentos apenas com uma função em favor dos multifunções - que possam ser geridos e usados por vários funcionários numa organização. O scanner ganha uma importância crescente com a virtualização de processos que obriga à digitalização de documentos.

Durante a sua intervenção, o diretor de gestão da OKI Europe, Terry Laidlaw, afirmou que estas empresas "não querem soluções das grandes empresas, a quem foram tiradas funcionalidades para diminuir o preço, nem do mercado de consumo", afirmando que a companhia está em condições para conceber e oferecer exatamente aquilo de que precisam - num cenário em que também os serviços de gestão documental (também conhecidos por soluções de pagamento por páginas impressas, impressão a pedido ou managed document services) desempenham um papel fundamental. 

fonte:http://tek.sapo.pt/

tags:

publicado por adm | Domingo, 03 Julho , 2011, 12:55

A OKI Printing Solutions anuncia o lançamento das impressoras matriciais ML620 e ML621. Voltadas para impressões de formulários com múltiplas vias e de relatórios, as impressoras oferecem custo 50% menor em relação aos equipamentos a laser. Ambos os modelos possuem cabeça dupla de impressão com nove agulhas (totalizando 18 agulhas), atendem à demanda de diversos tipos de negócios, além de imprimirem textos no formato carta e gráficos em alta resolução. Por estas funcionalidades, são consideradas adequadas para a aplicação no mercado de logística. Outros segmentos de aplicação da ML620 e ML621 são: pontos de venda, aplicativos de automação e serviços públicos, fábricas e centros de distribuição, entre outros.

fonte:http://www.abigraf.org.br/

tags:

publicado por adm | Quarta-feira, 16 Março , 2011, 21:35

A Oki está a utilizar um componente de bioplástico nas suas impressoras e multifunções para reduzir as emissões de CO2 da empresa

O componente, que segundo a fabricante é composto por pelo menos 25 por cento de recursos renováveis de biomassa vegetal, está a ser utilizado em todas as impressoras e multifunções fabricadas actualmente pela Oki.

Com esta aposta no novo componente verde a fabricante prevê reduzir as emissões de dióxido de carbono até três toneladas por ano.

fonte:http://sol.sapo.pt/


publicado por adm | Sexta-feira, 14 Janeiro , 2011, 21:56

A OKI Printing Solutions, uma das principais empresas de soluções de impressão do mundo, anuncia os prêmios recebidos no “15th Annual, Fall 2010 BERTL’s BEST Awards” por quatro de suas novas impressoras LED digitais. As impressoras LED coloridas C530dn e C330dn receberam o reconhecimento de impressora colorida com melhor desempenho. As impressoras LED monocromáticas B431 e B411 foram premiadas na categoria impressora monocromática com melhor desempenho.

O Business Equipment Research and Test Laboratories (BERTL) é um reconhecido laboratório de testes independentes no mercado norte americano e da área de TI em diversos países, que tem a missão de fornecer relatórios de avaliações e análises comparativas de equipamentos e softwares que possuem dispositivos para o trabalho com imagens, com foco na percepção do usuário final sobre o produto, sem a influência ou intervenção dos fabricantes.

Desde 1995, o prêmio “BERTL’s Best” reconhece os melhores softwares e linhas de produtos lançados durante o ano no mercado de imagens digitais, principalmente impressoras e multifuncionais. As categorias são criadas com base em ambientes de trabalho, determinado por diversos parâmetros na empresa aonde se encontra o usuário final (estação de trabalho utilizada, grupos de trabalho específicos, necessidades do departamento e de produção). Os analistas do BERTL examinam estes ambientes para identificar quais dispositivos de imagens e softwares que se destacam em relação aos demais.

“Estamos lisonjeados por receber o ‘Fall 2010 BERTL’s Best Award’ por qualidade de impressão, pois é um reconhecimento da capacidade de desempenho, da facilidade de uso e confiabilidade de nossos produtos, proporcionados por meio da tecnologia LED”, declarou o presidente da OKI Printing Solutions, Harushige Sugimoto.

As impressoras digitais coloridas das séries C330dn e C530dn são compactas e robustas, ideais para pequenos grupos de trabalho que exigem alta velocidade de impressão, flexibilidade na variedade de tipos de mídias usadas, cores com qualidade excepcional e softwares de gerenciamento e controle de impressões.  Estes modelos já estão disponíveis para o mercado brasileiro.

As impressoras LED das séries B411 e B431 proporcionam desempenho excepcional para atender às exigências de diversos usuários, com alta velocidade de impressão, alto rendimento dos suprimentos, tudo com um design compacto e simples, ideais para a adaptação em ambientes com restrições de espaço físico.

“Esse prêmio é a prova do compromisso da OKI em fornecer produtos e soluções de impressões inovadoras, que atendam às diversas necessidades de nossos usuários finais e, ao mesmo tempo, maximizem a eficiência. Os prêmios concedidos a esses produtos ilustram nossa missão de proporcionar o melhor equilíbrio entre valor, custo e desempenho”, completa Sugimoto.

fonte:http://www.profissionaisti.com.br/


publicado por adm | Quinta-feira, 23 Setembro , 2010, 22:49

A OKI Printing Solutions foi apontada pelo IDC como líder no Brasil em vendas de impressoras coloridas digitais para o formato A3 nos segmentos de TI e Telecom.

De acordo com o relatório da IDC, a OKI é a empresa que mais vendeu unidades desde o quarto trimestre de 2009. alcançando market share de 29%.

Esse é o terceiro trimestre consecutivo em que a fabricante japonesa lidera o setor no país.

Em 2008 e 2009, a companhia tinha 21% de espaço de mercado em cada período.

O portfólio da empresa para impressões coloridas A3 é representado por três modelos: C830, C9650 e C9850. Até o final de setembro, a companhia irá lançar mais um equipamento nesta linha.

Todas as impressoras do segmento permitem o uso de diversos tipos de papéis e gramaturas, contando com sistema avançado de calibração de cores (aceita perfis de softwares como Colorproof, da EFI; softwares e recursos próprios de calibração) e baixo custo operacional, já que exigem baixo nível de intervenções.

Ao todo, a OKI mantém uma base instalada de 30 milhões de equipamentos, entre impressoras matriciais, laser/LED monocromáticas e laser/LED em cores, além de multifuncionais monocromáticos e em cores.

Com faturamento anual de US$ 1,9 bilhão, a empresa atua em mais de 120 países. No Brasil está desde 1997 e possui fabricação local de uma linha de mais de 30 modelos.

fonte:baguete


publicado por adm | Terça-feira, 07 Setembro , 2010, 23:32

Como forma de reforçar a posição de liderança no mercado de equipamentos de impressão A3 com tecnologia LED, a OKI acaba de lançar dois novos equipamentos da série C800, a C801 e C821.

 

Com características semelhantes, como velocidade de impressão de 22ppm (cor), 32ppm (monocromática) em formato A4 e 12ppm (cor) e 17ppm (monocromática) em formato A3, resolução máxima de 1200x600dpi e autonomia dos tonners que ronda as 7000 impressões, a C821 possui um processador PowerPC775 de 700MHz capaz de lidar com uma maior carga de trabalho do que o processador PowerPC405 de 200MHz da C801, sendo esta última mais indicada para pequenos escritórios, e a C821 para pequenas e médias empresas.

O facto de utilizarem a tecnologia LED implica a existência de um menor conjunto de peças moveis, ou seja, o trajecto da folha de papel é mais plano, minimizando assim os famosos problemas de papel entalado, tornado as impressoras mais fiáveis e resistentes que as suas equivalentes a Laser.

A nível de preços, poderá encontrar a C801n a 1148€, enquanto a C821n está a 1329€.

fonte:reviews


pesquisar neste blog
 
links
subscrever feeds